Um blog para mulheres inteligentes e empoderadas pelo conhecimento!

Um blog para mulheres inteligentes e empoderadas pelo conhecimento!
"Interior de escola árabe em Constantina". Grafite e aquarela sobre papel de Theodore Chasseriau.1846.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Culinária!?

Bem, eu me inspirei este sábado e fiz um frango assado no forno ao molho de ervas finas com batatas e cenouras...Hummm...Deu certo!


Ando me arriscando na cozinha, né? ahahaha

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Dica pro fim de semana

Dança do ventre: alguém aí já se aventurou?Conhece?

Domingo, dia 29/05/11, a grande dançarina de dança do ventre Solange Costa vai nos presentear com o espetáculo Sherazade. Começa às 20h no Teatro Arthur Azevedo (São Luís-MA).


Solange comemora 15 anos dedicados à dança do ventre e para este espetáculo, ela fez uma extensa pesquisa para contar a história de Sherazade, a famosa contadora de histórias das Mil e Uma Noites. A entrada custa R$30,00 e pode ser adquirida no local. O espetáculo conta também com um elenco de 60 bailarinas, com figurino, cenografia e sonoplastia de ahazar...



Para você que nunca assistiu ao vivo uma bailarina de dança do ventre, é uma excelente oportunidade!

What NOT to wear

Encontramos muito esse tipo de "estilo" por aqui, nas ruas de São Luís, não é mesmo girls?

Essas aí são Nicole Polizzi e Jenni Farley, estrelas do seriado da MTV Jersey Shore; alguém aí conhece? Whatever...O difícil mesmo vai ser encontrar um par de botas desses circulando na Rua Grande, ahahahaha!

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Flipped

"O primeiro amor" (Flipped, 2010) é um daqueles filmes para toda a família: conta como o garoto Bryce conhece Juli, na ocasião da mudança dele para o bairro. Ambos têm 7 anos - Juli se apaixona logo por Bryce, mas este acha Juli uma chata. A história acompanha a convivência dos dois até a adolescência, suas expectativas e o relacionameno de suas famílias também.

Um dos pontos altos do filme é justamente quando Juli, que cresce uma menina consciente e até precoce para ter certos posicionamentos diante da vida, resolve criar galinhas a partir de um bem sucedido projeto de Ciências. As galinhas dão ovos e ela passa a vender para os vizinhos do bairro, mas para a família de Bryce, a quem Juli considera muito, ela simplesmente dá os ovos toda semana, não os vende. Com medo de pegar salmonela - pois Bryce acreditava que Juli não limpava seu quintal - ele joga fora os ovos que recebe toda semana! Até que Juli percebe que Bryce não era bem quem ela imaginava. Aqui percebemos como a adolescência é o período de constução do caráter de uma criança e que muitas vezes o caráter dos pais influencia terrivelmente, mesmo porque a ideia de que os ovos possuíam salmonela vem do pai de Bryce.

Mas no final, a pergunta que não quer calar: será que Juli terá seu tão esperado 1º beijo com Bryce?

domingo, 15 de maio de 2011

The Professor

Escolhi ler The Professor (1846), da autora inglesa Charlotte Brontë (uma das irmãs Brontë), pois ainda estou "nostálgica" do século XIX kkkk. Mas claro que também optei por lê-lo pois queria ter uma ideia do que era ser professor naqueles tempos. A história gira em torno de William Crimsworth, o professor do título.

O órfão William, ao terminar seus estudos aos 18 anos em uma prestigiada escola inglesa, resolve ir contra os planos de seus tios: em vez de casar com uma de suas 5 primas e ser pastor, ele decide procurar seu irmão Edward em outra cidade, e chegando lá descobre que este é um bem sucedido homem de negócios. William começa a trabalhar para seu irmão no comércio mas depois percebe que é muito explorado por ele. Mr. Hunsden, inimigo de Edward, escreve uma carta de recomendação a um amigo seu que mora em Bruxelas, na Bélgica, para que este arrange um emprego de professor de Inglês a William. E é o que acontece: William arruma as malas e viaja para um país totalmente desconhecido, até porque não fala francês. Ele começa a trabalhar em uma escola para garotos, do Sr. Pelet, e também em uma escola para moças, da Srta. Reuter. Nesta escola ele conhece a professora de bordado, Srta.Frances Henri, a qual se torna sua aluna pois seu maior desejo é falar Inglês. Daí para frente, os dois começam a se conhecer...



O que mais me surpreendeu na história é que da metade para o final a atenção se volta para a personagem Frances: aparentemente resignada com sua vida de privações, ela demonstra uma força e vontade de mudar impressionantes, e sempre a partir dos estudos. O conhecimento que William lhe proporciona só serve para lhe dar mais confiança. Em dados momentos, o professor William se torna coadjuvante porque o discurso de Frances revela uma independência feminina em pleno século XIX incomum, como quando ela escreve a William dizendo que estava empregada como professora de Francês em uma escola para moças:

"[...] Ficou combinado que eu trabalharia 6 horas por dia (ainda bem que não me pediram para morar na escola, pois ficaria triste se tivesse que renunciar a meus aposentos) e para isso vão me pagar 1.200 francos por ano. Então monsieur, veja, agora estou rica; mais rica do que algum dia imaginei ser.[...]"

Obviamente que eles se casam... E sabe do que mais? William apóia a ideia da esposa continuar trabalhando, outra coisa inusitada para a época! Até mesmo quando ela resolve montar sua própria escola, ele não interfere.


Mas para mim, que sou professora, a melhor mensagem veiculada pela obra e que a atualiza perfeitamente para o século XXI, é que demonstra a nobreza de ensinar e compartilhar conhecimentos com seus alunos; é subir na vida através de seus próprios esforços e através dos estudos, como aconteceu com a humilde Frances; é ser bem sucedido, inclusive financeiramente nesta profissão, a qual é percebida com tão pouca significância pela maior parte da sociedade pós-moderna....


sexta-feira, 13 de maio de 2011

Rímel

Faz tempo que não falo de maquiagem por aqui né? Pois bem, quis testar um rímel novo que encontrei nas Lojas Americanas, o The Falsies Volum'Express, da Maybelline:



Olha, ele é bom e barato e os cílios ficam beeeeeeem cheios mesmo! O preço? Uns R$20,00...

sexta-feira, 6 de maio de 2011

For boys and girls

Como o xadrez ainda está na moda, achei interessante esse look do Ed Westwick (só quem assiste o seriado Gossip Girl sabe quem ele é!):

 Os meninos encaram esse xadrez? Achei até estiloso...

E como sou fã da Reese Witherspoon (hellooooo, já terminei de ler o "Água para elefantes" viu?), achei lindo o look dela na premiére desse filme na Austrália:

Ela tá "coradinha" né? O cabelo ficou um charme...